E daí?

e daí?
e daí que você não pode
interromper a imensa
chegada do sol
através de minha janela
desde as primeiras horas
sonolentas da manhã.
e daí?
e daí que não conseguirá
me impedir de, mesmo
cambaleante e sorridente,
expulsá-lo de minha vida,
apenas temporariamente
usurpada e aterrorizada
por sua vil presença.
e daí?
e daí que temos olhos,
ouvidos, boca, sexo, nariz.
e daí que nossa luz,
não irá apagá-la um infeliz.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s