O que não é unânime

Eu também não gosto de algumas unanimidades. Mas não falo muito sobre isso, especialmente em cima da morte da unanimidade de que não gosto. Se não se trata de alguém do mal, dou um tempo.

Mas é curioso como o ódio manifesto a quem morreu invariavelmente prossiga com a enumeração das preferências do odiador, em falsa oposição ao que o odiado representou.

Por exemplo, um dos meus chefes na Folha reagia sempre do mesmo jeito a cada vez que eu dizia gostar de um novo Godard:

  • Prefiro E o Vento Levou!

Ah.

E eu com isso, meu amor? O que uma coisa tem a ver com outra?

Me dava vontade de dizer:

Você acha que Godard, o cinema, a história do cinema, se importam com sua opinião?

Tenho certeza de que ele achava que sim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s