se depois houver

rolo a timeline de alguns amigos e concluo uma coisa maravilhosa.

eles desconhecem a velhice.

e penso: ainda bem!

porque, em sua maioria, eles igualam o velho ao ruim.

o velho pode ser ruim, por que não?

porém, a depender.

(e se dependesse de nossa poesia brasileira, feita por jovens tão brilhantes, de casimiro de abreu a Leminski, talvez eu me conformasse com o novo, como uma garantia…).

enfim, dizendo simplesmente,

talvez urgentemente,

não foi por ter envelhecido que Silvio Santos se tornou o escroto que é.

ele o foi antes.

e ele o será depois, quando, como e se o depois houver.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s